Justiça condena réu por homicídio

0

Em júri popular realizado no Fórum de Caçapava do Sul ontem (31) foi condenado por homicídio o réu Derli Dutra Machado. Em 2012 o réu atingiu com um tiro na cabeça sua ex-nora Andrea Moura Cucner.

A condução do júri foi feita pela juíza Paula Maurícia Brum. Na defesa do réu atuaram os advogados Léo Tronco e Stela Maris Martins de Souza, e pela promotoria a promotora Lisiane Villagrande Veríssimo da Fonseca, promotora da comarca de São Gabriel que está substituindo o promotor DiogoTaborda que está de férias.

Nas seis horas de julgamento os jurados ouviram os argumentos da defesa e da promotoria além dos depoimentos do réu e de sua esposa, esta como testemunha de defesa.

A pena imposta ao réu, pronunciada pela juíza Paula Maurícia Brum, foi de seis anos de reclusão em regime inicial semiaberto.

Deixe seu comentario

Comentários desativados.