Uma campanha para ficar na história

0

Em seu segundo ano disputando a Série Bronze a ACF surpreendeu a todos avançando até as quartas de final, deixando para trás equipes com mais tradição e que tiveram investimentos altos para a disputa da competição.
Formada basicamente por jogadores de Caçapava do Sul a ACF fez uma campanha com altos e baixos. Prejudicada no turno da primeira fase jogando a maioria das partidas como visitante a equipe se recuperou no returno e fez vale o fator local, garantindo a classificação na quarta colocação da chave.
Na segunda fase a equipe não se encontrou e acumulou resultados negativos, conseguindo a classificação com ajuda de resultados paralelos, sendo apenas o melhor quarto colocado.
A redenção veio na terceira fase, depois de um empate em casa diante da equipe do União Independente a ACF foi a Santa Maria desacreditada, mas lá os jogadores deram show e venceram os donos da casa avançando para os confrontos nas quartas de final.
Punida com a perda do mando de quadra a ACF se viu obrigada a jogar em São Sepé, e daí foi a vez da torcida dar o seu show, mais de 600 torcedores saíram de Caçapava do Sul para apoiar o time que não se intimidou diante do poderio técnico e financeiro da AMF e num jogo primoroso venceu de virada a equipe de melhor campanha até então na Série Bronze.
A vitória na primeira partida deixou viva a equipe que foi a Marau para defender sua classificação. No jogo de Marau infelizmente a equipe saiu derrotada e deu adeus a competição.
Ao término da partida os jogadores fizeram questão de enaltecer o apoio da torcida caçapavana que sempre esteve ao lado da equipe, o capitão Dida foi o porta voz principal do grupo, reconhecendo o apoio do torcedor “infelizmente perdemos hoje e não pudemos seguir dando alegria ao torcedor que tanto nos apoiou, perdemos para uma das melhores equipes da competição, mas mostramos que com o apoio da nossa torcida somos fortes e jogamos sempre para vencer” disse o capitão ao final da partida ainda na quadra do ginásio de Marau.
Sem compromissos oficiais a diretoria deve definir nos próximos dias o futuro da ACF, já projetando a participação da equipe na Série Bronze de 2018, competição que possivelmente passará por uma reformulação visto que vários foram os problemas enfrentados durante o ano de 2017.

Por Odacir Mariani

Foto Arquivo Luiz Marchesan Mariani

Deixe seu comentario

Comentários desativados.